Licenciamento - válido para todos os textos do blog

Licença Creative Commons
Esta obra de Flávio Raphael Barcellos, foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Brasil.
Permissões adicionais ao âmbito desta licença podem estar disponíveis em http://sobre-fotografar.blogspot.com/p/licenciamento.html.

Avisos iniciais

---

2010-03-19

Qual maquina fotográfica profissional é a melhor?

Licença Creative Commons
Inauguro o blog com um assunto polêmico e incendiário. Acho que estou delirando.

Como diz certo ditado (alterado para não ter termos chulos): "Gosto é que nem nariz, cada um tem o seu."

Pessoalmente eu não concordo com o uso que se faz dos termos profissional e amador para definir equipamento, eles servem para dividir pessoas que fazem fotografia por gosto e pessoas que fazem da fotografia uma profissão (não acredito que existam fotógrafos profissionais - nessa definição - que não façam isso por gosto). Conheço fotógrafos amadores que fotografam com Leica - não conheço ninguém que use Hasselblad - e conheço profissionais que usam "prosumer"(*) - também conhecidas como superzoom - para fazer eventos.

Sugiro que você vá numa loja e segure a câmera, sinta a "pegada" das diversas marcas e modelos. Depois disso converse com fotógrafos, peça para mostrar (encontros de clubes de fotografia é um bom lugar para isso). Finalmente comece a definir qual o seu objetivo na fotografia para, assim, poder escolher a câmera que vai comprar.

Quando se compra uma câmera SLR, você estará quase que casando com um fabricante. É muito difícil, depois de ter um monte de lentes, trocar de fabricante. É claro que você vai trocar o corpo da máquina para evoluir na tecnologia, as lentes sendo compatíveis o gasto é menor.

Então, ao escolher o corpo, não pense na tecnologia que ele tem, pense no tipo de foto que deseja fazer (exemplo, fotógrafos de esporte costumam preferir Canon, fotógrafos de eventos preferem Nikon). Na tecnologia, os principais fabricantes se completam e competem. Além disso, tecnologia serve para não atrapalhar. Não é a câmera que vai fazer a foto, são as suas escolhas, seu olhar e suas ideias.

Na prática as SLR (Digitais ou não), sejam Canon, Nikon, Sony, Pentax e Olympus (câmeras para nós mortais) são quase iguais (**). O que vai importar, de verdade, é como você se sente com ela, a "pegada".

Para terminar. O equipamento que faz a foto é seu dedo, seu olho e seu cérebro(***). A câmera só vai tornar isso mais fácil NÃO atrapalhando. Um bom fotógrafo faz uma boa foto com uma câmera tecnologicamente ruim, mas um mau fotógrafo continuará fazendo fotos ruins com a melhor máquina do mundo.

Espero seus comentários.

Flávio RB

(*) No sentido de tecnologia avançada para uso por não especialistas e não no sentido criado por Alvin Toffler no livro "A terceira onda".


(**) No Brasil, para Câmeras SLR Digitais, existem mais usuários de Canon e Nikon que de Olympos e Pentax. Assim existe melhor mercado de usados e também mais técnicos especializados nessas marcas (Nikon e Canon). Sony começou a fazer SLR agora e está tendo um crescimento assombroso, principalmente com a migração dos usuários de compactas que estão começando a usar máquinas SLR, mas ainda pode ser complicado encontrar quem mexa na câmera ou lente caso seja preciso uma manutenção.

(***) Li essa frase numa tira (cartoon) e estou procurando o autor, se conhecerem me avisem.